Inicio / BLOG / Nos pênaltis, Avaí bate a Chape e conquista o Catarinense 2019

Nos pênaltis, Avaí bate a Chape e conquista o Catarinense 2019

Foto: Cristiano Andujar/Futura Press

Uma final com toda a emoção que se pede. Ficou para os pênaltis, mas o Avaí venceu a Chapecoense e levou o título do Campeonato Catarinense. No tempo normal, o Verdão abriu o placar com Régis, no primeiro tempo. Na etapa final, o Leão foi para cima e empatou com Alex Silva. Nas penalidades, Vladimir defendeu cobrança de Aylon. Depois, Bruno Pacheco acertou o travessão. A bola quicou no chão e gerou dúvidas se havia entrado. A checagem do VAR disse que a bola não passou a linha, o que deu a 17ª taça estadual para o time de Florianópolis.

Colado no rival

O Avaí volta a levar o estadual após cinco anos. Agora são 17 conquistas, o segundo time com mais trofeus do Catarinense. O Leão da Ilha fica a apenas um do arquirrival Figueirense.

Polêmica com VAR

O VAR passou ileso até o último momento da final, mas a cobrança de Bruno Pacheco colocou a arbitragem de vídeo em polêmica. A cobrança do lateral acertou o travessão e quicou no chão, gerando a dúvida se havia entrado ou não. Braulio da Silva Machado consultou Rafael Traci, mas confirmou o erro na cobrança. Após o jogo, imagens começaram a circular gerando novas dúvidas.

Do banco para a taça

No aquecimento, Igor Fernandes sentiu uma lesão e não pode ir para o jogo. Em seu lugar, Alex Silva foi escalado. Do banco para o nome na história do Leão. O lateral fez o gol de empate do Avaí no segundo tempo e levou a decisão para os pênaltis. Retornando de uma lesão, o atleta mal conseguiu acabar o jogo, tamanho o cansaço.

Para enquadrar, hein?!

Régis fez uma pintura na tarde deste domingo na Ressacada. Aos 41 do primeiro tempo, o meia da Chape recebeu na intermediária, arrumou espaço na marcação azurra e soltou uma bomba com a perna canhota. A bola foi direto na gaveta, sem chances de defesa para Vladimir.

Alguém se lembra?

Há 71 anos o Campeonato Catarinense não era decidido por penalidades. A última foi em 1948, entre Paula Ramos e América. Após empate em 1 a 1, o América ficou com a taça, ao vencer por 4 a 3.

Futebol é isso!

Final de campeonato, valia o título e Avaí e Chapecoense queriam a vitória, mas o clima entre as torcidas foi de paz e amizade na Ressacada. Antes da bola rolar, azurras e alviverdes fizeram a festa no lado de fora do estádio. Um belo exemplo deu o presidente do Leão, Francisco Battistotti, que foi conversar com os torcedores do Verdão e até posou para foto.

Na agenda

Com o fim do Catarinense, Avaí e Chapecoense focam as atenções na disputa da Série A do Brasileiro. No próximo sábado, o Leão estreia contra o Atlético-MG, enquanto o Verdão pega o Internacional. Mas, antes disso, o time alviverde tem o Corinthians pela frente na Copa do Brasil. O jogo acontece na noite de quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), em São Paulo.

GLOBO ESPORTE

Sobre Redação Brasil

Redação Brasil
Somos a Redação Brasil do Planaltino News, diariamente produzimos matérias de parceiros nacionais, estaduais e municipais de todo o Brasil. E diagramamos de parceiros internacionais para o Brasil. Os temas abordados em nossa redação são diversos e neutros. Esperamos que você aproveite nosso conteúdo.

Check Also

Presidente do Inep, órgão responsável pelo Enem, é demitido

O delegado Elmer Vicenzi não é mais o presidente do Instituto Nacional de Estudos e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: