Inicio / BLOG / Italiano é condenado por infectar 32 mulheres e um bebê com HIV

Italiano é condenado por infectar 32 mulheres e um bebê com HIV

taliano é condenado por infectar 32 mulheres e um bebê com HIV

Seus atos tinham como único objetivo matar”. Foi assim que promotores descreveram o que fez o contador italiano Valentino Talluto, condenado nesta sexta-feira (27) a 24 anos de prisão por infectar mais de 30 mulheres com HIV (vírus que transmite a Aids) intencionalmente. Sob o pseudônimo “Hearty Style”, Talluto conheceu por meio da internet mais de 53 mulheres, com as quais fez sexo desprotegido e sem contar que era portador do vírus até ser preso, em novembro de 2015. Quando algumas delas lhe pediam para fazer sexo com proteção, o italiano, de 33 anos, alegava ser alérgico a preservativos e que tinha acabado de fazer um teste que descartou a presença de qualquer doença sexualmente transmissível.De todas as vítimas de Talluto, 32 mulheres foram infectadas, assim como os cônjuges de três delas e o bebê de uma quarta. A criança nasceu com encefalopatia (inflamação no cérebro), segundo os médicos, “devido ao vírus HIV contraído da mãe durante o nascimento”. Muitas das parceiras do italiano eram estudantes. Algumas já eram mães. A mais jovem tinha 14 anos e a mais velha, 40 anos. Quando várias delas descobriram, por meio de exames de rotina, que eram portadoras do vírus, entraram em contato com Talluto, que alegou que não tinha nada a ver com o contágio. Outras só souberam de sua condição quando a prisão dele foi noticiada pela imprensa. Durante o julgamento, que começou em março deste ano em Roma, as vítimas descreveram os horrores do HIV, incluindo o estigma, e o fardo do tratamento. Algumas delas continuaram com Talluto meses depois de descobrirem que tinham o vírus. No final, foi a traição compulsiva dele – o italiano chegava a manter seis relacionamentos ao mesmo tempo – que as afastou. (BBC)

Sobre Redator Amargosa

Avatar

Check Also

Bicampeão! Athletico vence o Toledo e define o título do Paranaense nos pênaltis

O Athletico levanta a taça de campeão paranaense pela segunda vez consecutiva. Depois de devolver …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: